WHATSAPP 46 8413-4946
Figueirense derrota o Criciúma e fica na ponta E Chape segue na cola no Catarinense E Coritiba vence o Rio Branco e conquista Taça Dionísio Filho
26 de Fevereiro de 2018

Figueirense derrota o Criciúma e fica na ponta; Chape segue na cola

A estreia do técnico Argel Fucks, expulso ainda no primeiro tempo, não foi suficiente para fazer o Criciúma reagir no Campeonato Catarinense. O Figueirense venceu o clássico deste domingo por 1 a 0, no Heriberto Hülse, complicou ainda mais a situação do rival e manteve-se na liderança.

O ainda invicto Figueira chegou aos 24 pontos ganhos, seguido de perto pela Chapecoense, que foi a 23 com um triunfo por 3 a 0 sobre o Concórdia. O terceiro colocado é o Avaí, com 17 após fazer 3 a 2 em cima do lanterna Internacional de Lages (7). Na penúltima posição, está o próprio Criciúma, computando só 9 pontos.

Já na Arena Condá, a Chape inaugurou o marcador no primeiro tempo da partida e aumentou a vantagem no segundo. Aos 40 minutos, Amaral colocou para dentro após escanteio cobrado por Canteros. Aos 17 da etapa final, outro tiro de canto, este de Guilherme, resultou em uma cabeçada certeira de Wellington Paulista. Nadson fechou a contagem aos 43.

Por fim, na Ressacada, o Avaí sofreu um pouco mais para derrotar o último colocado do Estadual. Fagner Alemão, de pênalti, Getúlio e Lucas Lovat marcaram os gols do time mandante. Rafhael Lucas e Jean Lucas descontaram pelo Inter de Lages.

Confira toda a décima rodada do Campeonato Catarinense:

Tubarão 1 x 0 Hercílio Luz

Brusque 1 x 2 Joinville

Chapecoense 3 x 0 Concórdia

Criciúma 0 x 1 Figueirense

Avaí 3 x 2 Internacional de Lages

Coritiba vence o Rio Branco e conquista Taça Dionísio Filho

O Coritiba deu um passo importante para tentar a conquista de seu 39º título de Campeonato Paranaense na história. Neste domingo, o Coxa venceu o Rio Branco-PR e se sagrou campeão da Taça Dionísio Filho, assegurando uma vaga na final do Estadual.

Ao todo, nove pratas da casa participaram da decisão – oito deles como titulares. Vale destacar que se o Coritiba conquistar também a Taça Caio Junior, será campeão estadual sem a necessidade de final.

Os primeiros 29 minutos foram do mais absoluto equilíbrio entre Coritiba e Rio Branco-PR. O Coxa sofria para encontrar espaços na frente, e o Leão da Estradinha não conseguia encaixar os contra-ataques.

Pouco a pouco, porém, os mandantes cresceram no jogo. Iago Dias bateu rente à trave aos 29, Guilherme Parede parou no goleiro Jhones aos 32, e Alecsandro arriscou de fora, perto do gol, aos 33 minutos.



Últimas Notícias
Siga nas redes sociais
(46) 3242-1495           radio@radiochopinzinho.com.br
Rua Frei Everaldo, 3835 - Centro - 85560-000 - Chopinzinho - Paraná