"A simpatia das sementes de 7 uvas faz parte do ritual da noite de ano-novo de muita gente, mas dá um trabalho danado na hora de comer durante a ceia. Que tal substituí-la pelas variedades sem caroços e deixar a brincadeira para as lentilhas e as romãs? O mercado já oferece uvas tão ou até mais doces do que as tradicionais Rubi e Itália (com sementes) usadas nos pratos, e ainda com a facilidade de não precisar de um guardanapo para descartar as sobras.

Resultado de imagem para "As uvas Gota de Mel, Crimson e Thompson são muito vendidas nesta época do ano. Foto: Guilherme Grandi/Gazeta do Povo." Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/bomgourmet/conheca-seis-uvas-sem-sementes/ Copyright © 2019, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.


As uvas Gota de Mel, Crimson e Thompson são muito vendidas nesta época do ano. Foto: Guilherme Grandi/Gazeta do Povo.

São pelo menos seis variedades desenvolvidas pela Embrapa Uva mais resistentes às condições climáticas brasileiras, e que acabam tendo um teor adocicado mais elevado. Entre elas estão a Thompson e a Crimson plantadas no Vale do Rio São Francisco (PE), a Gota de Mel cultivada no Rio Grande do Sul, e a Vitória, semeada no município de Juazeiro (BA).

A Crimson é muito procurada para o preparo de sobremesas da ceia de ano-novo. Já a Thompson é mais usada como um aperitivo antes do jantar.

Além de branca e roxa, a Thompson também tem uma variedade rosada com um sabor mais equilibrado, mas igualmente adocicada. Todas as frutas que vem do Vale do São Francisco são assim, com alto teor de açúcar.

Uva ‘pimenta’

uva-sem-semente-dedo-de-moca-foto-bigstock.jpg (1000×663)
A uva dedo-de-moça foi desenvolvida nos Estados Unidos. Foto: BigStock.

Há ainda uma variedade inusitada e um pouco difícil de ser encontrada em qualquer mercado: a uva dedo-de-moça ou dedo-de-bruxa. A ‘sweet sapphire’ chegou ao Brasil em meados de 2013 em uma fazenda da cidade de Petrolina (BA), de onde saem mais de 400 toneladas ao ano – metade destinada à exportação.

Com um formato alongado semelhante a uma pimenta, a dedo-de-moça foi desenvolvida nos Estados Unidos há cerca de uma década através de melhoramentos genéticos para dar mais sabor ao fruto.

Importada

uva-sem-semente-uva-vitoria-foto-guilherme-grandi-gazeta-do-povo.jpg (1000×750)

A uva Vitória importada do Chile é uma das mais vendidas na Banca da Júlia, no Mercado Municipal de Curitiba. Foto: Guilherme Grandi/Gazeta do Povo.

Por outro lado, uma variedade importada do Chile vem chamando muito a atenção dos consumidores. A uva Vitória é muito semelhante à Thompson, mas com um teor de açúcar ainda maior e mais destacado.

Na hora de comprar, a melhor uva é aquela de consistência mais firme e brilhante. Se estiver pálida, já não está mais tão fresca."

Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/bomgourmet/conheca-seis-uvas-sem-sementes/
Copyright © 2019, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.